O que é Espiritismo?

O Espiritismo é uma doutrina que trata da natureza, da origem e do destino dos Espíritos e de suas relações com a vida material. Foi revelada por Espíritos Superiores e codificada (organizada) em 1857 por um professor francês conhecido como Allan Kardec. Para os Espíritas o Espiritismo se constitui na Terceira Revelação, o "Consolador" prometido por Jesus.

Surgiu, pois, na França, há mais de um século. Traz em si três faces: filosofia, ciência e religião (moral).

Vejamos o que Allan Kardec nos orienta a respeito do assunto nos livros "O que é Espiritismo" e "Obras Póstumas", respectivamente:

Se pudermos resumir de forma bem didática, aproveitando as palavras do estudioso, escritor e orador Espírita, Richard Simonetti:

Como qualquer Ciência experimental o Espiritismo se baseia no Método Experimental, vejamos as palavras de Kardec a respeito do assunto:

Como qualquer Ciência, o Espiritismo também tem sua base fundamental, seus fundamentos. O primeiro deles é a Existência de Deus, que segundo a resposta numero 1 de "O Livros dos Espíritos" é a "Inteligência Suprema, causa primária de todas as coisas". Vejamos:

Para os Espíritas, Deus é todo AMOR, SABEDORIA e JUSTIÇA. Mas deve também, numa observação mais detalhada, ser absoluto nos seguintes atributos:

A razão nos leva a deduzir que Deus é infinito em todos aqueles atributos, caso contrário não seria Deus. A seguir, veremos os demais Fundamentos do Espiritismo:

Estes são os pilares sobre os quais a Doutrina Espírita se assenta. Sobre ela foram codificadas todas as Obras Básicas: O Livro dos Espíritos, O Livros dos Médiuns, O Céu e o Inferno, A Gênese e O Evangelho Segundo o Espiritismo. Sobre as Bases da Doutrina Espírita, obras complementares vem nos agregar conhecimento, como por exemplo a série "A vida no mundo espiritual" ditado por André Luiz através da psicografia de Chico Xavier.

Os adeptos da Doutrina Espírita são os espíritas e suas práticas se baseiam no estudo das obras básicas e complementares da Codificação e na assistência material e espiritual aos necessitados. Caso deseje saber um pouco mais, acesse nossa parte de Perguntas Freqüentes ou entre em contato conosco.

"Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral, e pelos esforços que faz para domar suas más inclinações".
(Allan Kardec, E.S.E., XVII, 4)

 

Voltar ao Topo